PRESO ACUSADO DE CHAMAR POLICIAL DE “MACACO DE CIRCO E NEGRO SAFADO”



Anderson Campos Teixeira, 39
O JORNAL
Um homem, identificado como Anderson Campos Teixeira, 39, foi preso e acusado de injúria racial (preconceito). O crime se verificou num trecho da Rua Professor Hadyr de Gusmão, na Jatiúca, neste domingo (27).

Segundo a Polícia, ele se envolveu num desentendimento com uma terceira pessoa e não gostou, porque a suposta vítima chamou a Polícia. A ação dos militares desagradou o acusado que passou a proferir impropérios contra o grupo de policiais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!