PAIS E FILHOS: NECESSIDADE DE CONSTANTE INTERAÇÃO


CLÁUDIO CASSIMIRO DIAS

                NINGUÉM EXISTE POR SI SÓ. SOMOS UM CORPO DENTRO DE UM TODO SOCIAL. INSERIMO-NOS NA SOCIEDADE DE UMA MANEIRA OU DE OUTRA, QUEIRAMOS SIM, QUEIRAMOS NÃO. O EREMITA É HOJE PARTE DE UM MITO DE HISTÓRIAS FANTÁSTICAS E BEM DISTANTES DE NOSSA PERCEPÇÃO.
            OCORRE, PORÉM, UM DISTANCIAMENTO ENTRE AS PESSOAS POR DIVERSOS MOTIVOS, MAS, POR MAIS QUE O INDIVIDUO SE AFASTE NÃO PODERÁ SER CONSIDERADO UM EREMITA, NÃO NOS MOLDES PREGADOS PELA HISTÓRIA DA CIVILIZAÇÃO HUMANA.
            O DISTANCIAMENTO OCORRE TAMBEM ENTRE FAMILIARES ONDE A FALTA DE DIÁLOGO COLOCA JOVENS E ADULTOS EM MUNDOS TOTALMENTE DISPERSOS.
            VAMOS APROVEITAR TODOS OS MOMENTOS POSSIVEIS E PUXAR UMA CONVERSA COM OS FILHOS, E OS FILHOS COM OS PAIS, E OS IRMAOS ENTRE IRMAOS, E BUSCAR SEMPRE UMA APROXIMAÇÃO, UMA DEMONSTRAÇÃO DE INTERESSE PARA COM SEU SEMELHANTE.
            É SABIDO QUE O MUNDO HOJE NOS AFASTA NATURALMENTE, TRABALHO, ESTUDOS, TRANSPORTE QUE CIRCULA POR RUAS LOTADAS DE VEICULOS, E TANTAS OUTRAS DIFICULDADES MAIS.
            DEVEMOS ACREDITAR QUE O MUNDO PODE SER MELHOR, E PARA ISSO É IMPORTANTE QUE CADA PESSOA FAÇA SUA PARTE. E SOBRETUDO, NUNCA DESISTA.

CLÁUDIO CASSIMIRO DIAS, POLICIAL MILITAR, CRIMINÓLOGO, BACHAREL EM DIREITO E HISTÓRIA, ACADÊMICO DA ACADEMIA DE LETRAS DA PMMG, PESQUISADOR DA HISTÓRIA MILITAR E PALESTRANTE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!