Postagem na Comunidade Exército Brasileiro sobre a greve da PM da Bahia e outras.


Se necessário for, esse movimento precisará sim ser destruído e, a única instituição capaz de fazer isso chama-seEXÉRCITO BRASILEIRO!

A minha maior tristeza não é ver os baixos soldos pagos nas Forças Armadas em comparação à boa parte das Forças Auxiliares estaduais...

A minha maior tristeza é ver um Exército, o invicto Exército Brasileiro, um Exército que tem como patrono o Marechal Luís Alves de Lima e Silva, enfrentar a obsolescência, a penúria e a falta de profissionalismo. Um Exército que em outrora era capaz de rechaçar e destruir qualquer ameaça à segurança do território nacional, seja ela interna ou externa. Hoje, o Exército Brasileiro pisa em ovos pra tentar pacificar essa greve das PMs, pois sabe que se a moda pegar e outras PMs (maiores) aderirem, corre o risco de perder o controle da situação por falta de efetivos profissionais treinados e adequadamente armados e equipados pra lidar com a situação. Isso é o reflexo de uma cultura de desmilitarização do Estado que ganhou força com a constituição "cidadã" de 1988, mas que no final das contas representará a própria destruição do próprio Estado Democrático a partir da destruição das intituições que mais garantem a sua existência (leia-se: Forças Armadas!).

Certa feita o General Cruz disse: "O que é democracia? Democracia é a aplicação da lei!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!