Trio de policiais é acusado de matar adolescente e ferir três pessoas na saída de festa em Governador Valadares


Dois policiais militares foram detidos em Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, nesse domingo (5). De acordo com a Polícia Militar, os militares são acusados de matar um adolescente, de 13 anos, e ferir um casal e um jovem, de 20, na avenida JK, no bairro Castanheiras, na madrugada do último sábado (4). Os crimes ocorreram quando as vítimas estavam em um Fiat Palio, que foi atingido por pelo menos 20 tiros.

Conforme testemunhas, os tiros foram efetuados por três policiais, que estavam em um Gol de cor azul e teriam perseguido o carro das vítimas no momento que elas voltavam de uma festa realizada em uma chácara do bairro Santa Terezinha, onde teriam se desentendido.

O adolescente de 13 anos morreu na hora. Um adolescente de 17 anos foi baleado na região da cabeça e socorrido em estado grave ao Hospital Regional de Governador Valadares. Um homem, de 20 anos, e uma mulher, de 17, também foram atingidos, mas liberados depois de receber atendimento médico. Outros dois ocupantes do Fiat Palio não foram atingidos pelos disparos.

Conforme a PM, os dois soldados estavam de folga e foram encaminhados à Delegacia Regional de Governador Valadares, onde foram autuados em flagrante. O terceiro suspeito foi identificado como policial civil, mas ainda não foi localizado.

Foram apreendidas três armas com os soldados detidos, além de muitas cápsulas de munições deflagradas no local do crime.
Por meio de nota, o comando da Oitava Região da Polícia Militar de Governador Valadares informou que foi determinada a abertura de Processo Administrativo para apurar as circunstâncias do envolvimento dos policiais militares no fato e as respectivas responsabilidades administrativas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!