PMMG lança memorando sobre o TASER, arma de choque.


Mem. 30079.3-12 - Implementa TASER na PMMG
O Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública
(SENASP), em cumprimento à política nacional voltada para as ações especiais dos órgãos
que integram o Sistema de Defesa Social, comumente aquelas que dizem respeito ao
reaparelhamento das forças policiais, adquiriu e distribuiu para as policiais militares do Brasil,
um considerável número de Pistolas de Emissão de Impulso Elétrico (PEIE), da marca
“TASER”.
2 As referidas pistolas são, conforme conceito construído e atestado por seu fabricante,
instrumentos de menor potencial ofensivo (IMPO), que emitem impulsos elétricos na forma de
ondas com o mesmo formato das “ondas cerebrais”. Nesse sentido, o uso das pistolas
incapacita momentaneamente o agressor, ao abrir uma janela de tempo para a completa
imobilização e contenção desse indivíduo, com emprego da força no nível adequado, em face
da agressão real e injusta.
3 O manuseio, manejo e emprego das Pistolas de Emissão de Impulso Elétrico,
disponibilizadas e entregues à Polícia Militar, caracterizam-se por ações simples, mas não
menos importantes, no aspecto da segurança e dos princípios essenciais para o uso da força,
se comparados a esses mesmos princípios quando do emprego das armas de fogo
convencionais. Assim, para a sua introdução na Corporação, requerem-se posturas que
cuidem do treinamento de forma antecipada, metódica e sistêmica, principalmente da técnica
policial militar, alinhada aos princípios doutrinários dos Direitos Humanos e Polícia Comunitária,
sustentáculos do Treinamento Policial na Corporação.

Um comentário:

  1. Meu irmão, gostaria, se possível, saber o número do Memorando bem como um link para download na IntranetPM, para conhecimento. Desde já parabenizo o blog pela utilidade pública em informar-nos acerca de fatos relevantes do Universo Policial. Um abraço.

    ResponderExcluir

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!