Comerciante é preso pelo Tático Móvel após retalhar braço de “conhecido” em bar

08/05/2012


ITABIRA (MG) – O comerciante José de Oliveira Ferreira, 50 anos, foi preso em flagrante pelo Tático Móvel, minutos depois de retalhar o braço de Wilson Tenório dos Santos, 34 anos.
O crime ocorreu por volta das 20h30 desta segunda-feira dia 07 de maio, na porta de um bar, na rodovia MG-129, no bairro Barreiro.
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e após limpar o ferimento no braço da vitima, Wilson Santos foi levado ao pronto-socorro, aonde foi submetido à cirurgia, devido à faca ter atingido a artéria e o músculo do braço direito do rapaz. O corte foi profundo e teve cerca de 20 cm de comprimento.
O Tático Móvel do sargento Eduardo e soldados Marconi e Januario esteve no local e em conversa com a vitima, Wilson Santos contou que estava no bar de seu agressor, que é um conhecido e após uma discussão, José Ferreira teria desferido uma facada em seu braço.
Os PMs foram até a casa de José Ferreira e cercaram o local, enquanto o sargento Eduardo e o soldado Januario tentavam convencer a esposa do suspeito a deixar os PMs entrar na casa, José Ferreira tentou fugir pelo outro lado da residência, sendo detido pelo soldado Marconi que estava de campana do lado de fora da casa.
 
José Ferreira resistiu à prisão, mas foi contido pelos PMs. O comerciante disse que esfaqueou Wilson Santos porque o rapaz teria lhe agredido.
 
O suspeito recebeu voz de prisão, sendo levado à Delegacia de Polícia Civil de Itabira, onde foi ratificado o flagrante. A faca usada no crime também foi entregue ao delegado de plantão.
FABIANO PALAURO - FATOSDEMINAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!