PM EM ALERTA - Caixas de Minas não têm descanso


VARGEM ALEGRE – Durante a madrugada de ontem um caixa eletrônico do banco Bradesco localizado na Avenida Cândido Machado, no Centro de Vargem Alegre, foi alvo de uma tentativa de furto. Policiais militares encontraram a porta de vidro da agência quebrada, além de danos no teto, parede e divisória. Parte do caixa eletrônico foi destruído, mas o cofre ficou intacto, impossibilitando a subtração do dinheiro contido nele. 

A agência não possui câmera de vigilância, vigias noturnos ou alarme. A polícia procurou nos comércios vizinhos por câmeras que pudessem ter filmado a ação dos arrombadores. A única gravação mostra um veículo modelo Hatch de cor escura, saindo da porta da agência em alta velocidade exatamente às 2h34, em sentido a Ipatinga. Rastreamento foi efetuado, mas nenhum responsável foi encontrado.




Dois caixas do banco Santander foram explodidos em João Monlevade
Caixas do Santander explodidos em João Monlevade
Na madrugada dessa sexta-feira (4) foram explodidos dois caixas eletrônicos do banco Santander, instalados dentro da área da Arcelor Mittal às margens da Avenida Getúlio Vargas, no Centro Industrial, em João Monlevade. Por volta das 3h30 dois veículos pararam repentinamente em frente aos caixas, sendo um Fiat Pálio Weekend vermelho, placa HHC-4441 de Belo Horizonte, e um Fiat Línea cinza, placa HLP-2232 de Betim. Seis indivíduos desceram dos veículos, munidos de armas de fogo e barras de ferro, eles instalaram explosivos nos dois caixas, detonando-os. 

Um dos caixas foi arrombado e as gavetas onde o dinheiro ficava armazenado foram furtadas. O segundo aparelho foi danificado, mas aparentemente os ladrões não conseguiram pegar as cédulas contidas nele. Em seguida os criminosos entraram nos veículos e fugiram em sentido à Bela Vista de Minas. 

A ação foi gravada pelo circuito de filmagens da empresa Arcelor Mittal, e durou aproximadamente quatro minutos. A Polícia Militar realizou rastreamento utilizando todas as viaturas do turno, acionando plano de cerco, bloqueio e interceptação. A Polícia Rodoviária Federal também foi acionada. Apesar disso nenhum suspeito foi preso.




Praticamente ao mesmo tempo em que um caixa do Bradesco era detonado em Campanário
Caixa do Bradesco explodido em Campanário
Já no município de Campanário, aproximadamente a 80 quilômetros de Governador Valadares, foi explodido um caixa eletrônico do banco Bradesco, praticamente ao mesmo tempo em que bandidos detonavam os caixas do banco Santander em João Monlevade. Apesar do dano ao local, o cofre do caixa não foi atingido, impossibilitando o furto do dinheiro contido nele.  

Após a explosão, dois indivíduos não identificados foram vistos no local. Eles fugiram pela BR-116, que é bem ao lado da agência, em um veículo Voyage modelo antigo, de cor escura. Segundo a polícia, a agência não contava com câmeras de segurança ou alarme. Nenhum suspeito foi localizado.


Peças de caixa eletrônico abandonadas em caçamba 
Em Ipatinga, na manhã da sexta-feira (4) a polícia recebeu informações de que um indivíduo, em um carro prata, deixou objetos suspeitos em uma caçamba de entulho na Rua Apóstolos, Bairro Canaã. No local foram encontrados peças de caixas eletrônicos.

Foi recolhido pela perícia um cassete de caixa de auto-atendimento da marca Diebold Incorporate, alem de três gavetas vazias e travadas. Segundo informações do perito, eles apresentavam marcas de corte feito por maçarico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!