Policial é executado por amigo que também seria um policial civil.



Um crime com motivação passional é a principal linha de investigação para o assassinato do policial civil Luiz Cláudio de Lima Martins, 37. Conhecido como China, o investigador foi morto por um amigo com quem teria se encontrado em um bar, próximo à lagoa Várzea das Flores, no bairro Solar da Madeira, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte.

O suspeito pelo crime, conforme as primeiras informações apuradas pela Polícia Militar, também seria um policial civil. Ontem, no entanto, depois de um dia inteiro de buscas pelo suspeito, investigadores da Delegacia de Homicídios de Contagem e da Divisão de Homicídios de Belo Horizonte evitaram falar sobre o crime. Ninguém foi preso.

Testemunhas contaram aos policiais que o crime aconteceu pouco depois das 10h. China e o amigo foram vistos bebendo em um bar próximo à lagoa. Os dois teriam deixado o estabelecimento em meio a uma discussão. O crime aconteceu a apenas 100 m do local onde começou a briga.

Fontes da Polícia Civil informaram ontem que o assassino usou a arma do próprio China, uma pistola semiautomática, para cometer o crime.

De acordo com o delegado de plantão da Regional de Contagem, Daniel Vasconcelos, China foi executado com pelo menos seis tiros. Três deles atingiram o policial no rosto e na cabeça e outros três no peito. "Após o crime, o autor deixou a arma no peito da vítima e fugiu em um carro", conforme o delegado. A polícia não informou as características do veículo. A placa seria de Ibirité, também na região metropolitana.

Segundo o delegado, mesmo tendo sido alvo de vários tiros, o investigador chegou a ser socorrido com vida por policiais militares que atenderam a ocorrência. O policial morreu antes de chegar à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA). A arma usada no assassinato foi apreendida e encaminhada para perícia. A pistola pertence à Polícia Civil, conforme informou o delegado Vasconcelos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!