Vale do Aço - Motociclista morre em batida com caminhão


AKR 

NAQUE – Por volta das 18h30 do sábado (9), um grave acidente entre uma motocicleta e um caminhão, no quilometro 310 da BR-381, próximo ao posto de combustível Guanabara, entre a Cenibra e a cidade de Naque, tirou a vida de uma pessoa que ainda não foi identificada.
 O motorista do caminhão Mercedes Benz modelo L 1618, placa GTQ-9346, Jander Ferreira Duarte, de 24 anos, relatou que saiu de Ipaba por volta das 6h da manhã transportando uma máquina carregadeira para localidade conhecida como Serraria, próxima a cidade de Periquito. 

Segundo ele um caminhão que estava a sua frente teria freado repentinamente. Ele disse que tentou frear seu caminhão, mas não conseguiu parar e jogou o veiculo para a contramão. Nesse momento ele bateu de frente com a moto Honda Titan, placa GXX-8964 de Belo Oriente, arrastando-a por mais de 40 metros e matando o condutor. 

AKR 

Um motociclista não identificado morreu depois de ser arrastado por mais de 40 metros por um caminhão
O condutor da motocicleta não portava documentos e permanece sem identificação no IML de Ipatinga. Em consulta ao sistema foi constatado que a motocicleta está há mais de três anos com licenciamento vencido.   

O perito Hebert de Mingo não encontrou marcas de frenagem de outros veículos no local. Segundo o código de transito brasileiro, o condutor de um veículo “deverá guardar distância de segurança lateral e frontal entre o seu e os demais veículos, bem como em relação ao bordo da pista, considerando-se, no momento, a velocidade e as condições do local, da circulação, do veículo e as condições climáticas.”



Feriado contabiliza 17 mortos nas estradas federais de MG

AKR 

A moto Honda Titan, placa GXX-8964 de Belo Oriente, destruída na colisão. Mais de três anos com licença vencida
Os acidentes durante o feriado prolongado de Corpus Christi mataram 17 pessoas na estradas federais de Minas Gerais. Os dados são referentes ao período de 6 a 10 de junho.  Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 50% das batidas ocorreram nos dois primeiros dias do feriado, em que ocorreram mais chuvas. 

O número de mortos aumentou em relação ao feriadão de 2011, quando 16 pessoas perderam a vida. O mesmo ocorreu com o número de acidentes - 439 este ano em comparação aos 372 em 2011. Segundo a PRF, 60% dos acidentes com mortes, foram em decorrência de colisões frontais, onde ocorreram 64,7% do total dos óbitos.

Este ano, 223 pessoas ficaram feridas nos acidentes, número que também superou o do ano passado, quando 220 pessoas sofreram ferimentos em acidentes. Durante as fiscalizações nas rodovias, 1.851 testes do bafômetro foram realizados, 40 motoristas autuados e 17 detidos por crime de trânsito.

O acidente mais grave aconteceu na noite de domingo. A batida frontal entre um caminhão e dois carros matou três pessoas na BR-116, em Muriaé, Zona da Mata de Minas Gerais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!