Atentados contra policiais


A onda de atentados contra policiais militares em São Paulo, iniciada há um mês, teve novos desdobramentos na madrugada da última sexta-feira (13). Em cinco horas, oito suspeitos foram mortos por policiais militares em seis ocorrências, cinco delas na capital e uma em Itapevi, na Região Metropolitana.

De janeiro a junho deste ano, os índices de letalidade policial em São Paulo subiram 4,5% em comparação com igual período do ano passado. Todos sabem que essa luta (guerra) entre os bandidos paulistas, especialmente o PCC (Primeiro Comando da Capital) e a polícia não é nada nova. Já remonta a longa data.

Como violência gera violência, você acha que a PM de São Paulo está agindo com rigor na medida certa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!