PM e PC prendem dois suspeitos do arrombamento ao caixa eletrônico da Funcesi

ITABIRA (MG) – Thalisson Luiz Vieira Soares e Weslen da Paixão Ferreira foram presos em uma ação conjunta da Polícia Civil e Militar, sob suspeita de participarem do arrombamento ao caixa eletrônico do banco Santander, nas dependências da Funcesi.
Em entrevista na noite desta terça-feira dia 21 de agosto, o delegado Renato Gavião e o tenente Salazar explicaram que Thalisson Soares é da cidade de Ipatinga e Weslen Ferreira é itabirano. Thalisson Soares seria o dono do carro que deu fuga aos criminosos durante o assalto, o jovem alega que apenas emprestou o carro e que não participou do roubo.
O itabirano Weslei Ferreira esta sendo acusado de homicídio, segundo o delegado e também negou sua participação no roubo. Mas o delegado Renato Gavião e o tenente Salazar chegaram aos dois suspeitos através de denuncia anônima via disque denuncia 181 e as vitimas reconheceram os suspeitos.
Segundo as investigações, o crime foi planejado na casa de Weslei Ferreira no bairro Fênix, que deu todo suporte em Itabira, para o roubo.
Renato Gavião disse à imprensa que pediu a prisão preventiva de Weslei Ferreira por acreditar que o mesmo possa fugir. Thalisson Soares contou que participou do roubo, porque estava com dividas.
O delegado contou que os outros integrantes da quadrilha já foram delatados e é uma questão de tempo para prendê-los.

GATE IRÁ EM ITABIRA 
Segundo os oficiais, a banana de dinamite introduzida dentro do caixa do bando na Funcesi, não detonou, então homens do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar virão à Itabira nesta quarta-feira dia 22 de agosto, para retirar o artefato. O local continua isolado.
FABIANO PALAURO - FATOSDEMINAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!