Três policiais militares acusados de matar um jovem em 2003 são julgados


Começou, na tarde dessa terça-feira (28), o julgamento de três policiais militares acusados de matar um adolescente há aproximadamente dez anos, em Belo Horizonte.
Eles estão sendo julgados pela morte do estudante Salmem Amorim Hermes e por lesão corporal grave contra  Bruno Soares, amigo de Salmem.
Os acusados Darlan Teixeira de Barros, Wander Aparecido de Oliveira e Mozart Marcos Pompeu estão sendo julgados por um júri popular composto por sete pessoas no Fórum Lafayette, no bairro Barro Preto, na região Centro-Sul da capital. 
Segundo a assessoria de imprensa do Fórum, já foram ouvidos os dois homens que estavam no carro com a vítima, como testemunhas de acusação, e dois militares como testemunhas de defesa. Agora, os réus estão sendo ouvidos. A expectativa é que o julgamento continue durante a noite. 
Relembre o caso 
O fato aconteceu, no dia 27 de novembro de 2003, durante uma suposta abordagem a um motorista sem carteira de habilitação. Três homens, que na época ainda eram adolescentes, estavam dentro do veículo.
O carro foi perseguido e alvejado pelos militares. Segundo consta no processo, quando o carro foi interceptado , os então estudantes foram brutalmente agredidos. 
Atualizado às 18:14.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!