Lei de efetivo da Polícia Militar passa pela Comissão de Administração Pública


Foto da notícia
Sargento Rodrigues na reunião da Comissão de Administração Pública

Na manhã desta quarta-feira, (21/11) na Assembleia Legislativa , a Comissão de Administração Pública aprovou o parecer de 1° turno favorável ao Projeto de Lei n° 3.521/2012 que “fixa o efetivo da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais - PMMG - e o efetivo do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais - CBMMG - até o ano de 2015”.

“É bom lembrar que os Comandos, da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros aguardam a aprovação do projeto onde ocorrem as promoções. Isto causa alvoroço nos quarteis, porque refletirá diretamente nas promoções, no próximo dia 25 de dezembro”, justificou o deputado Sargento Rodrigues.

Carga horária para PM e BM

Durante a reunião, o deputado fez um apelo aos parlamentares, da necessidade da aprovação da emenda no Projeto de Lei Complementar PLC – 31 que trata da fixação em 40 horas na carga horária semanal.

“Vamos precisar de apoio para a aprovação desta emenda de minha autoria. Os Policiais e Bombeiros Militares são os únicos servidores do Estado que não possuem carga horária definida em lei. Com a definição da carga horária iriamos acabar com o abusos de autoridades cometidos por alguns comandantes em diversas cidades do estado.” destacou Rodrigues.

Autor: Assessoria de Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!