SEDS quer mudanças na lei para coibir explosão de caixas eletrônicos


O secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo de Carvalho Ferraz, irá enviar um ofício para os deputados mineiros, nos próximos dias, sugerindo mudanças na legislação para coibir explosões de caixas eletrônicos em Minas Gerais.
O documento propõe que as agências bancárias sigam normatizações tecnológicas e de segurança para evitar a prática deste tipo de ocorrência. Além disso, em nome da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), Rômulo Ferraz vai sugerir a tipificação de “explosão de caixas eletrônicos” como crime.
 
Segundo a polícia, Minas Gerais tem hoje cerca de sete mil caixas eletrônicos dentro e fora das instituições bancárias. Somente neste ano foram registrados 116 ocorrências de furtos e roubos aos equipamentos. No mesmo período de 2012 foram contabilizados 99 casos do tipo no Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!