Violência no Vale do aço


Homem é morto com sete tiros na cabeça

Vítima foi arrolada como testemunha no assassinato do irmão no início de janeiro
FABRICIANO – Em Coronel Fabriciano, um homem de 38 anos foi assassinado a tiros na rua Áustria, no bairro Santa Cruz. Sidney Cândido Martins foi baleado com doze tiros, sete somente na cabeça. A vítima possuía passagem por tráfico de drogas. 

Testemunhas disseram aos policiais que a vítima foi perseguida por dois homens em uma motocicleta, quando o carona sacou um revólver e efetuou os tiros. No entanto, ninguém soube precisar as características do veículo. Informações anônimas deram conta de que um homem conhecido pelo nome de “Gleicinho” – com quem a vítima já havia tido um atrito – foi visto passando próximo ao local, momentos antes do fato, em uma motocicleta. Até o fechamento da edição, a polícia não havia encontrado o autor do assassinato. 

IRMÃO
Sidney foi morto 17 dias depois que seu irmão, Wagner Candido Martins, o “Pulguinha”, de 25 anos, foi executado com 10 tiros. À época, Sidney havia sido testemunha no Boletim de Ocorrência no assassinato do irmão. Ele contou que Wagner teve um desentendimento com o provável assassino por conta de um celular que havia sumido quando todos estavam em um pesque-pague. Wagner também possuía passagem pela polícia por roubo à mão armada, porte ilegal de arma de fogo, ameaça e tentativa de homicídio. 

TENTATIVAS
Na madrugada do último domingo (20), Ulysses Rodrigues Santos, 21 anos, foi levado às pressas ao HMC depois de ter sido alvejado na perna. Ele contou à polícia que havia saído de Ipaba e, quando passava pela rua Belo Horizonte, no Centro de Ipatinga, uma pessoa não identificada, em uma motocicleta, sacou um revólver e fez vários disparos em sua direção e depois fugiu. A vítima foi socorrida por uma motorista que passou no local e o encaminhou ao Pronto Socorro. 
Ainda na madrugada de domingo, por volta de 3h, um rapaz de 21 anos foi esfaqueado em um bar no bairro Bom Retiro. Alen Souza foi ferido no pescoço e socorrido pelos colegas ao hospital, sem risco de morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!