Torcedor receberá indenização por tiro que levou da PM em jogo no Mineirão


Um torcedor que foi baleado por um tiro de bala de borracha disparado pela Polícia Militar, durante o jogo entre o Cruzeiro e Palmeiras, em 2009, no estádio Mineirão, será indenizado em R$15 mil por danos morais. 
A decisão foi concedida pela juíza Moema de Carvalho Balbino Lucas, da 1ª Vara da Fazenda Estadual de Belo Horizonte. A vítima, V.A.S. alegou que na data do ocorrido, ao sair do estádio, ele se deparou com uma briga entre torcidas, próximo ao portão 13. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!