58º Batalhão de Coronel Fabriciano recebe novos policiais e viatura

CORONEL FABRICIANO - Foi anunciada na manhã desta segunda-feira (10) a chegada de 24 novos policiais ao 58º Batalhão de Polícia Militar de Coronel Fabriano, que agora somam aos outros 133 miliatares lotados no município.

Considerada Batalhão desde o dia 25 de abril deste ano e sob o comando do tenente coronel Wanderson Stenner Alves, a sede da antiga 178ª Cia de PM também contará com uma nova viatura.
O novo veículo será utilizado pelo GEPAR( Grupo Especializado de Policiamento em Áreas de Risco), a partir da instauração do Grupo na cidade.

O comandante Stenner Alves conversou com nossa reportagem e declarou que “além de Fabriciano, atendemos também cinco cidades. A Policia Militar criou um Batalhão e medidas para melhor estrutura para este Batalhão. Estamos recebendo 24 policiais militares oriundos da 12ª Região, então é um remanejamento interno. Somados a estes 24 policiais, estamos recebendo hoje uma nova viatura que vai ser agregada no  GEPAR e vamos estabelecer aos bairros onde há incidência destes crimes, onde haja realmente necessidade, e vamos designar policiais pra lá, no combate especifico a estes crimes, principalmente aos homicídios. A grande maioria dos que vieram ficarão por aqui na região. Esta é uma iniciativa do coronel Bueno, da 12ª Região, visando realizar a melhoria na estrutura do Batalhão".
Nova viatura para os serviços do GEPAR.

Mais policiais

"Também temos uma relação de policiais militares de outras regiões que manifestaram o desejo de trabalhar aqui em Fabriciano. O comandante geral em breve estará designando esses policiais para que possam somar esforços e assim podermos combater a criminalidade aqui na área do 58º Batalhão", afirma o comandante.
 Os policiais receberam boas vindas e algumas instruções.

Mudanças

"As  mudanças existem e já são perceptíveis", disse o comandante, frisando que estão chegando novos policiais militares e oficiais e que estudos da criminalidade e reuniões com demais órgãos da Defesa Social estão sendo realizados.

Com 18 anos de carreira como policial militar, o sargento Ronaldo é um dos que foram remanejados de Ipatinga para Fabriciano. Ele fala sobre sua vinda e de seus colegas.


“Pretendo contribuir para a segurança e bem estar da população. Viemos aqui no objetivo de somar. Esperamos fazer um bom trabalho seja no campo preventivo ou dentro da missão que nos for confiada. Nossa preocupação maior é fazer com que nossos jovens entendam o processo de escolhas positivas”, ressaltou o sargento.

Plox

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!