VALE DO AÇO - Nessa terça-feira (11) a Polícia Civil divulgou que foi prorrogada por mais trinta dias a prisão temporária de cinco policiais civis suspeitos de participação em crimes ocorridos no Vale do Aço .
O vereador de Santana do Paraíso Elton Pereira da Costa, o “Elton Detetive”, Fabrício Quenupe, Jimmy Cassiano, Leonardo Correa e Ronaldo de Oliveira Andrade tiveram a prisão preventiva prorrogada e permanecerão presos em Belo Horizonte, na Casa de Custódia da Polícia Civil.
As investigações sobre o envolvimento de policiais civis e militares em crimes cometidos na região foram intensificadas após os assassinatos do jornalista Rodrigo Neto e do fotógrafo Walgney Carvalho, cujas suspeitas apontam o envolvimento de policiais, apesar da Polícia Civil não ter divulgado nenhum esclarecimento sobre as mortes após meses de investigações.

A equipe do Departamento de Investigações de Homicídios e Proteção à Pessoa (DIHPP) de Belo Horizonte permanece atuando no Vale do Aço, para a elucidação de homicídios, entre outros crimes, cujos autores permaneciam  “desconhecidos”.
PLOX

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!