Homem que roubou armas de uso exclusivo da PRF é condenado a 7 anos de prisão

Rodnei Araújo Rodrigues foi condenado pela Justiça Federal a sete anos e seis meses de prisão por roubar armas e munições de uso exclusivo da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ele é acusado de invadir a casa de um policial, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, juntamente com outros três assaltantes. O crime ocorreu no dia 1º de julho de 2011.
Armados e encapuzados, o grupo levou pistola, carregadores, cartuchos pertencentes ao patrimônio da União, além de vários pertences do policial. Durante a ação, um deles deu vários chutes no policial.
Depois do crime, os denunciados foram encontrados pela Polícia Militar em um terreno baldio. Eles foram presos no momento em que queimavam os documentos da vítima. Na casa de um dos integrantes do grupo foram encontrados outros bens roubados do policial. A pistola foi achada dentro de um pote que estava enterrado emm um cômodo em construção. 
Prisão
Rodnei Araújo foi condenado em regime fechado e está preso na Penitenciário de Uberaba. A decisão cabe recurso.
Ezequiel Pereira da Silva e Silas Pereira da Silva já haviam sido condenados a oito anos e seis meses de prisão em regime fechado. Eles recorreram da sentença e o recurso tramita no Tribunal Regional Federal da 1ª Região. O quarto assaltante, Paulo Adail Fernandes da Silva, está foragido.
O crime foi julgado pela Justiça Federal por se tratar de roubo praticado em detrimento de bens, serviços ou interesses da União.
HD

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!