PM prende gangue e evita guerra entre bairros em Ipatinga

Na  noite dessa quarta-feira (24), a Polícia Militar deteve sete pessoas, dentre eles três menores de idade. Os suspeitos  foram abordados na Avenida Londrina, nas proximidades do Cemitério Parque Senhora da Paz, após denúncias anônimas darem conta de que estariam no local comercializando substâncias entorpecentes.

David Felipe Perru, 19, Ramon Pereira de Moura, 18, Adelones Martins Moura, 35 e Leidson Breno Santos rocha, 19 foram presos e três adolescentes foram detidos. segundo a PM todos são contumazes no mundo do crime por uso de entorpecente, assaltos, furtos, 
Com eles foram encontrados dois revólveres, munições, balança de precisão, dinheiro, maconha, canivete, touca ninja, jóias, colete a prova de balas e um rádio usado para ouvir a frequência da Polícia.
"Eu não merecia estar aqui, estou com minhas mãos calejadas. Trabalhei o dia todo e parei para fumar um baseado, pois estava me sentindo estressado", disse.
Adelones  Martins concedeu entrevista e disse que é usuário de maconha e que havia trabalhado o dia todo em uma loja de celular. Ele considera injusta sua prisão, pois se intitula um “homem trabalhador “ e “pai de família responsável” e que teria apenas passado na boca de fumo para fumar um “baseado” pois estava se sentindo estressado.
Sartirizando, como de costume, os menores de idade assumiram a posse de todos os materiais encontrados. Um deles declarou que estaria sendo ameaçado de morte por uma pessoa do bairro Planalto e seria este o motivo de portar uma arma. Ele segue em suas declarações dizendo que é um dos comandantes da gangue do bairro Veneza e que pretende matar aquele que tentou contra sua vida.
O tenente Lucas, que esteve a frente da ocorrência, disse que eles estariam arquitetando para tão breve, um ataque contra uma gangue rival do bairro Planalto, dando assim, continuidade a uma disputa sem sentido. Mas a ação foi evitada com a ação rápida e precisa da PM.
Ele disse ainda que a participação da população muito contribui para o trabalho dos policiais. Pessoas que queiram contribuir com os trabalhos da Polícia devem  ligar 190 ou 181, lembrando que não é necessário se identificar.
Todos os conduzidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil com os materiais encontrados. em Ipatinga.
PLOX

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!