Polícia conclui inquéritos sobre crimes durante manifestações em BH

A Polícia Civil informou nesta quarta-feira (10) que concluiu 14 inquéritos relacionados a crimes praticados durante as manifestações realizadas no mês de junho em Belo Horizonte.  Segundo a corporação, 30 pessoas foram indiciadas por dano ao patrimônio, lesão corporal, roubo ou pichação. Algumas prisões preventivas foram pedidas.
Ainda de acordo com a polícia, outros 41 inquéritos são apurados, entre eles, o que investiga a morte do jovem Douglas Henrique, de 21 anos. O manifestante caiu do viaduto José Alencar, na Avenida Antônio Carlos, na Região da Pampulha, na manifestação do dia 26 de junho, e morreu horas depois no hospital. O delegado Hugo e Silva – da Regional de Venda Nova – é o responsável por essa apuração. Ele também investiga outros 20 inquéritos, sobre 20 ataques a estabelecimentos comerciais na Avenida Antônio Carlos.
A delegada Gislaine de Oliveira Rios também é responsável por 20 inquéritos. A Polícia Civil não informou a que tipo de crime eles estão relacionados. Nesses 41 inquéritos, 146 pessoas são investigadas, conforme a Polícia Civil.
G1
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!