Polícia prende ladrões que atacaram mais de trinta agências

Em dois ataques contra caixas eletrônicos, na madrugada desta sexta-feira, em pequenas cidades do interior paulista, parte dos ladrões acabou presa pela polícia. Um dos criminosos foi baleado. Desde o início do ano, mais de trinta agências bancárias foram explodidas pelos bandidos - na maioria dos ataques os bandidos fugiram. Em Itapuí, cidade de 12.191 habitantes na região de Bauru, uma quadrilha explodiu dois caixas eletrônicos de uma agência bancária. Durante o assalto aos caixas, uma parte do bando atacou a tiros uma base da Polícia Militar na cidade.
Uma viatura teve os vidros quebrados e os pneus furados. A PM acionou policiais de cidades vizinhas, como Jaú e Bariri, e conseguiu prender três suspeitos em um rancho, às margens do rio Tietê. Com o bando, os policiais recuperaram R$ 122 mil roubados dos caixas eletrônicos. O dinheiro estava em duas mochilas. A gaveta-cofre de um dos caixas explodidos ainda com dinheiro, celulares e um rádio transmissor que operava na frequência da PM também foram apreendidos. Os criminosos foram levados para uma cadeia pública da região.

Em Bastos, de 20.445 habitantes na região de Marília, quatro assaltantes invadiram uma indústria de fios de seda e tentaram explodir um caixa eletrônico, na madrugada desta sexta-feira. Um funcionário foi agredido a coronhadas. A Polícia Militar surpreendeu o bando e houve troca de tiros. Um assaltante foi baleado e outros dois foram presos - o quarto conseguiu fugir. O suspeito ferido com três tiros foi levado para o hospital São Francisco de Assis, em Tupã, e permanece internado.
ESTADO DE SÃO PAULO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!