Cabo envolvido com quadrilha especializada em arrombar caixas eletrônicos é preso

Um cabo da Polícia Militar de Betim, na Grande BH, foi preso por estar envolvido com quadrilha especializada em arrombar caixas eletrônicos.
 
De acordo com a assessoria de imprensa da corporação, o oficial, que não teve o nome divulgado, foi detido durante cumprimento de mandado de prisão expedido pela Justiça nesse domingo (11).
 
Segundo investigações feitas pela Polícia Civil, o policial teria passado informações para os responsáveis pela explosão de um terminal bancário em Igarapé, também na Grande BH.
 
O total de integrantes da quadrilha ainda não foi descoberto e as investigações seguem em sigilo.
 
Depois da prisão, o oficial foi encaminhado a um quartel da Polícia Militar, onde permanece recolhido.
 
Carreira
 
O cabo preso é policial há 22 anos e é lotado no 33º Batalhão, em Betim, na Grande BH.
 
Atualmente, o policial, que é casado e tem um filho, fazia o Curso Especial de Formação de Sargento (CEFS) na Academia de Polícia Militar, que fica no bairro Prado, na região Oeste da capital mineira. Ele foi detido durante as aulas.
O TEMPO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!