Faxineiro é preso ao revirar restos mortais da mãe e levar crânio para casa em Campos Gerais

Um faxineiro de 21 anos foi preso ao revirar restos mortais da mãe e levar o crânio para casa em Campos Gerais, no Sul de Minas Gerais. Everton Carlos da Silva foi detido após ser denunciado por um tio, Marcos Araújo, de 49 anos, nesse domingo (29).
 
De acordo com a Polícia Militar da cidade, no sábado (28), o jovem foi até ao cemitério do bairro Diadema e arrombou o túmulo da mãe, que morreu há dez anos. Após revirar os restos mortais da vítima, o faxineiro pegou o crânio e levou para casa.
 
Segundo os policiais, o jovem não quis falar o motivo de ter praticado o furto, mas familiares dele afirmaram que ele é usuário de drogas e sofre de transtornos psicológicos.
 
O crânio foi recuperado na residência de Everton, no bairro Jardim Cidade Nova, e devolvido ao jazido.
 
O faxineiro foi encaminhado ao Presídio de Alfenas.
HD