Suspeito de matar PM é liberado pela Polícia Civil e família comemora na internet com bebidas e gestos obscenos e que incitam o homicídio


O principal suspeito de ter atirado e matado um sargento da Polícia Militar num assalto a um supermercado em Belo Horizonte foi liberado da prisão pela Polícia Civil.

O delegado alegou falta de flagrante. O suspeito, amigos e familiares comemoraram a liberdade numa rede social na internet.


TV ALTEROSA