Policial impede crime e mata assaltante com seis tiros em bar

Um policial do 33º Batalhão à paisana reagiu a um assalto e matou um criminoso em um bar na cidade de Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte.
Na madrugada desta sexta-feira (15), Diego Lima de Morais, 26 anos, entrou armado no bar, que fica na rua do Catete, bairro Botafogo.
O homem rendeu cerca de 10 funcionários e clientes e tomou objetos dos clientes. Ele exigiu mais dinheiro e, como não recebeu, ameaçou matar os frequentadores. Segundo uma testemunha, Diego foi bastante violento.

— Ele falou que ia contar até três e matar o primeiro.
O policial, que não estava fardado, ordenou que ele entregasse a arma, mas Diego atirou uma vez, sem acertar. O militar, então, reagiu e atirou seis vezes no suspeito, que morreu na hora. Foram dois tiros no peito, um no olho direito, dois na coxa direita e um nas nádegas.

O corpo foi reconhecido pela mãe, que se desesperou. Ela teria confirmado aos policiais que o filho já tinha sido preso por tráfico de drogas. O revólver 38 do assaltante foi apreendido. A perícia comprovou que um cartucho tinha sido usado.

Dois comparsas que esperavam em um carro do lado de fora do bar conseguiram fugir.

A arma do policial militar foi apreendida. O caso deve ser investigado pela Justiça Militar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!